skip to Main Content

SARS-CoV-2, Doença Autoimune, Doença Inflamatória e Erros Inatos da Imunidade

A relação entre defeitos genéticos da imunidade e infecção, autoinflamação e autoimunidade, continua representando um desafio clínico frequente para pacientes e médicos. A infecção por SARS-CoV-2 é um exemplo dramático dessa complexa conexão. Pacientes com esses problemas de imunidade (Imunodeficiências Primárias) de fato têm um risco maior de ter doenças autoimunes e doenças inflamatórias, muitas vezes associadas às infecções. Principalmente, devido à desregulação basal do seu sistema imunológico.Sabe-se que de fato diferentes manifestações inflamatórias e autoimunes podem complicar a infecção por SARS-CoV-2 (Covid19); seja durante o processo da doença, semanas ou até meses após a sua ocorrência. Como também em casos que se julgaram assintomáticos, ao menos inicialmente no processo da infecção.

A infecção pode desencadear doenças autoimunes, como também podem induzir surtos ou recaídas destas doenças por meio de diferentes mecanismos imunológicos.Hoje em dia, evidências acumulativas implicam em que o SARS-CoV-2 tem a capacidade de atuar como um efeito de gatilho de, possivelmente pré-existentes, defeitos genéticos da imunidade, induzindo a hiperestimulação do sistema imune e, levando à hiperinflamação e ou síntese de múltiplos autoanticorpos. Em decorrência disso, desencadeando a doença autoimune ou autoinflamatória.Várias doenças já foram descritas durante ou após a infecção pelo SARS-Cov-2. Entre elas:  Síndrome de Guillain-Barré, Síndrome de Miller Fisher, Síndrome de Taquicardia Pós-ortostática, Polineurite Cranial, Anemia Hemolítica Autoimune, Púrpura Trombocitopênica Imune, Doença de Graves, Lúpus Eritematoso Sistêmico, Síndrome Antifosfolípide, Artrite Viral, Artrite Reumatoide, Psoríase, Polimiosite, detecção de diferentes autoanticorpos (ex.: anticorpos antinucleares, anticorpos antifosfolipídeos etc.), e muito outras deverão surgir.

E você? … teve Covid? … Conhece o estado atual do seu sistema imunológico?

Dr. Javier Ricardo Carbajal Lizárraga.

Especialista em Alergia e Imunologia. Crianças e adultos. RQE 21798. CRM/SP 92607. Alergista e Imunologista pela USP e Sociedade Brasileira de Alergia e Imunologia.  Membro da Sociedade Brasileira de Alergia e Imunologia – ASBAI. Membro da European Academy of Allergy and Clinical Immunology, EAACI Membro da American Academy of Allergy, Asthma & Immunology – AAAAI. Membro da Sociedad Latinoamericana de Inmunodeficiencias – LASID. Membro da Clinical Immunology Society – CIS. Membro da European Society for Immunodeficiencies – ESID.

Gostou do texto? Compartilhe com seus amigos!

This Post Has 4 Comments

  1. Depois de três covid-19, uma com sintoma leve, outras sem sintoma algum, desenvolvi: Púrpura Trombocitopênica Imune. Plaquetas foram caindo, caindo….

    1. Prezada Carmen,
      Pelo pelo que nos descreve, parece estar desenvolvendo uma Púrpura Trombocitopênica Imune. Precisa de tratamento imunológico urgente.
      Precisando, pode nos contatar através dos links de contato no site.
      Desde já, estamos torcendo pela sua melhora.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Back To Top
×Close search
Pesquisar