skip to Main Content

Psoríase: Conheça seu Impacto na Qualidade de Vida!

A Psoríase é uma doença que é imunológica. E que afeta em especial a pele. Em suma, causando a inflamação. Bem como a descamação local.

A doença é até que comum. Cerca de 2-3% das pessoas do mundo (o que é mais ou menos 180 milhões de pessoas) afetam-se com isso. Ela aparece com igual frequência nos homens. Assim como nas mulheres.

Apesar de poder ocorrer em qualquer idade. Ela é mais comum em adultos. E mais ou menos um terço dos pacientes com a Psoríase tem um parente em primeiro grau com essa condição. Além disso, a doença não é contagiosa.

Se você ou alguém da sua família possui a doença, não deixe de ler o artigo!

O que é a Psoríase

A princípio, a Psoríase é uma doença imunológica que é a crônica. Assim, para entendê-la é preciso entender o processo natural de renovação celular.

Placa de Psoríase

De forma simples, a renovação celular é um processo que inicia com as células crescendo. A partir das camadas mais fundas da pele. Logo após, o processo vai subindo de forma progressiva à superfície. Substituindo, assim, as células mortas da camada mais superficial (a camada córnea).

Em condições que são as normais, esse processo de renovação celular demora cerca de um mês. Porém, com a Psoríase, a inflamação local da epiderme. Em suma, faz com que ele ocorra em poucos dias. Como efeito as células se acumulam na superfície.

Os Sintomas da Psoríase

Os principais sintomas da Psoríase são as manchas de pele espessa. Que são as redondas ou que são as ovais. Da mesma forma, são as bem definidas. Assim como as vermelhas. Com as escamas finas. E que diferem em tamanho.

O termo médico para tais manchas são “placas”. Sendo que elas podem causar a coceira ou a dor. Além de serem nas superfícies extensoras dos braços. De maneira igual nas pernas. Assim como no couro cabeludo. Nas nádegas e no tronco.

o impacto da psoríase na qualidade de vidaAs pessoas com a Psoríase tipicamente tem uma diminuição que é até que significativa na qualidade de vida. Para você ter uma ideia. Um estudo mostrou que a doença causa mais efeitos negativos do que as doenças crônicas com risco de vida.

Assim, quem tem a doença passa por um desconforto físico. Bem como a disfunção emocional. Além da imagem corporal negativa. Da mesma forma que as limitações no trabalho. E nas atividades diárias. Que incluam os contatos sociais e a exposição da pele.

sintomas da psoríase

A relação das solas/das palmas. Bem como da face ou das áreas de dobras na doença. Ainda pode interferir com o bem-estar físico. O psicológico e o social do paciente. Com isso, o isolamento social. Bem como a depressão. Ajudam ainda mais para a diminuição da qualidade de vida.

A Psoríase e os seus tratamentos

A princípio, a Psoríase é de forma tradicional tratada com os agentes tópicos e os sistêmicos. Por outro lado, tais opções de terapia com regularidade precisam ser aplicadas. Isso durante um longo prazo e os seus efeitos podem ser inconsistentes ou pouco ideais. tratamento psoríase

A maioria das diretrizes de terapia recomenda os corticosteroides tópicos. Que vão diminuindo gradualmente depois que os sintomas melhoram. Ainda assim, os sintomas muitas vezes retornam semanas ou meses após o fim da terapia.

Os tratamentos de Psoríase não funcionam de forma igual para todos. Logo, identificar o tratamento que é o ideal para cada caso. Pode ser um processo demorado e oneroso.

Além disso, a terapia pode gerar os efeitos que são colaterais e consideráveis. O que torna preciso mudar a abordagem.tratamento psoriase em placas

Por esse motivo, mais da metade dos com a Psoríase grave pensa que o médico poderia fazer mais para ajudar. E a grande maioria relata a frustração com a eficácia do tratamento. Um relatório do Consenso Europeu. Em suma, sugere que pacientes com a doença são os sub-tratados e os sub-atendidos.

Os Medicamentos Biológicos no tratamento da doença

Radiografia de mão com Artrite
Artrite Reumatoide

O uso de medicamentos Biológicos no tratamento da Psoríase é até que novo. Começou no início desse século. Nas últimas décadas, o advento das Terapias Biológicas mudou a gestão de várias desordens. Que são as inflamatórias imune-mediada.

Entre elas, a Doença Inflamatória Intestinal. Bem como a Artrite. Da mesma forma, a Autoimune e a Psoríase. Desse jeito, houve um impacto que é positivo tanto na qualidade de vida dos pacientes. Como na economia dos Sistemas de Saúde.

Ainda assim, nota-se que na maioria dos países. Para o tratamento Biológico ser administrado, os critérios específicos devem ser satisfeitos.

Afinal, o risco de infecção deve ser visto antes de iniciar uma terapia biológica. E os marcadores, em especial para a Tuberculose. Assim como para a Hepatite Viral B e C. Checados ao longo do tempo. Por outro lado, nenhum risco significativamente aumentado tem sido associado com o uso de Agentes Biológicos.

Medicamentos Biológicos no tratamento da doençaEm síntese, o uso desses Agentes Biológicos é em geral preferido devido à insatisfação. Assim como a frustração causada pela falta de eficácia. Com as que são as terapias tradicionais tópicas. A fototerapia e  os imunossupressores.

Hoje em dia, a avaliação do impacto da doença é considerada um passo importante. No sentido de melhorar o tratamento dos pacientes. Assim, é bem aceito que a terapia de Psoríase não deve ter como o foco apenas minimizar a extensão e a gravidade da doença. Como também reduzir o impacto negativo na qualidade de vida dos pacientes.

Enfim, você achou que o artigo foi útil? Quer saber mais sobre o assunto? Veja o nosso vídeo sobre as doenças autoimunes.

Dr Javier Ricardo Carbajal Lizárraga.
Especialista em Alergia e Imunologia.
CRM/SP 92607. RQE 21798.

Gostou do texto? Compartilhe com seus amigos!

Este artigo tem 1 comentário

  1. Gostei do seu conteudo, até salvei aqui nos favoritos para
    ler depois com calma outras publicações. Não sei se vocês
    já possuem alguma forma de divulgação online (ou
    marketing digital), mas seu site merece ser conhecido e
    visitado por mais pessoas com certeza. Se eu puder te
    ajudar de alguma forma, ou parceria etc, entra em contato
    comigo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

DR. JAVIER RICARDO CARBAJAL LIZÁRRAGA
ALERGIA E IMUNOLOGIA - RQE 21798 - CRM-SP 92607
CRIANÇAS E ADULTOS
O conteúdo deste site tem o objetivo de informar.
Não deve, de forma alguma, servir como base para qualquer diagnóstico ou tratamento sem a supervisão de um profissional médico especialista qualificado.
Em caso de dúvidas, procure sempre orientação médica.

Back To Top
×Close search
Pesquisar