skip to Main Content

Doenças autoimunes e erros inatos da imunidade: Por onde começar?

A avaliação imunológica oportuna no contexto do quadro clínico pode reduzir a odisséia diagnóstica de muitos pacientes e pode evitar à aplicação de terapias imunossupressoras inespecíficas, que podem aumentar o risco de infecção com benefício terapêutico mínimo. 

Há uma lista crescente de defeitos genéticos associados com defeitos moleculares específicos que levam à desregulação imunológica e que se manifestam através de múltiplos quadros clínicos (Ex.: Psoríase, artrite, diabetes tipo I, espondilite, tiroidite de Hashimoto, lupus, etc.). Portanto, é importante saber quando e como avaliar um paciente com doença autoimune na procura de um distúrbio desregulatório imunológico subjacente; diferenciar entre causas monogênicas e poligênicas da doença e reconhecer as implicações para a terapia personalizada. 

O ImunologistaNos anos recentes, a crescente capacidade de definir a fisiopatologia das doenças no nível molecular estabeleceu as bases para o desenvolvimento de esquemas terapêuticos direcionados de forma específica. Novos medicamentos foram desenvolvidos e antigos medicamentos reaproveitados para modular mecanismos imunológicos intracelulares, cuja função está aumentada ou diminuída como resultado de um defeito genético específico.

Dr. Javier Ricardo Carbajal Lizárraga.
CREMESP 92607. RQE 21798.
Especialista em Alergia e Imunologia.

 

 

 

 

 

Gostou do texto? Compartilhe com seus amigos!

This Post Has 0 Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

DR. JAVIER RICARDO CARBAJAL LIZÁRRAGA
ALERGIA E IMUNOLOGIA - RQE 21798 - CRM-SP 92607
CRIANÇAS E ADULTOS
O conteúdo deste site tem o objetivo de informar.
Não deve, de forma alguma, servir como base para qualquer diagnóstico ou tratamento sem a supervisão de um profissional médico especialista qualificado.
Em caso de dúvidas, procure sempre orientação médica.

Back To Top
×Close search
Pesquisar